quarta-feira, fevereiro 11, 2009

MINHA bossa nova

Vou chama-la de minha, como se eu propria a possuisse. Essa bossa que me arrepia e me faz por vezes descobrir cantos de mim, por mim calados...
Musica que me arrepia, que me faz suar e me leva ao extase da emocao que por lapso esqueco no tedio diario da rotina. Essa bossa que ja nao e nova, renova-me a cada dia e faz-me cada vez mais sentir acima de tudo VIVA! Entao aqui afirmo que a possuo, ou antes ela me possui...

A letra e de Chico Buarque (1968) e a voz e de Elis Regina. O video e pessimo mas tanto melhor. Aconselho vivamente a ouvir esta musica de olhos fechados. Deixem cada nota voz arrepiar. A mim comoveu-me...

Já conheço os passos dessa estrada
Sei que não vai dar em nada
Seus segredos sei de cor
Já conheço as pedras do caminho
E sei também que ali sozinho
Eu vou ficar, tanto pior
O que é que eu posso contra o encanto
Desse amor que eu nego tanto
Evito tanto
E que no entanto
Volta sempre a enfeitiçar
Com seus mesmos tristes velhos fatos
Que num álbum de retrato
Eu teimo em colecionar


Lá vou eu de novo como um tolo
Procurar o desconsolo
Que cansei de conhecer
Novos dias tristes, noites claras
Versos, cartas, minha cara
Ainda volto a lhe escrever
Pra lhe dizer que isso é pecado
Eu trago o peito tão marcado
De lembranças do passado
E você sabe a razão
Vou colecionar mais um soneto
Outro retrato em branco e preto
A maltratar meu coração


SO queria ainda acrescentar que nao me tomem por triste ou nostalgica. Sou apenas amante fiel de musica e a Bossa nova tornou-se realmente intima. Comovi-me de beleza!!! :)

Muitos abracos e beijitos
Aline

1 comentário:

Antonio disse...

Nahalia, vc além de muito linda, maravilhasa, faz a gente sonhar com um amor deste!! Além disso tens muito bom gosto, te amei bjs