quarta-feira, janeiro 06, 2010

Delirios de um 1o de Janeiro...

Curioso...
De tanto toque perdi a pele
De tanto beijo sequei meus lábios
De tanto amor perdi desejo
E agora desnuda... o que almejo?

01/01/10

3 comentários:

André 13u disse...

Sorrir desinteressadamente, na (re)descoberta dos cinco sentidos na imensidão que é a vida. O auto-conhecimento, auto-redefinição adquire-se/ajusta-se nestes momentos. Nós somos sempre a solução para nós mesmos. Vai lá abaixo, mas não tragas as sete pedras na mão... Continua a sorrir, pois só assim vale a pena. As pedras? Utiliza-as para os teus castelos no ar. Um beijo. 13u

ADEK disse...

até me tornava tua seguidora aqui no estaminé, como prometido...mas só se facilitasses as coisas pondo a aplicação, que não me apetece fazer mais do que clicar num botão:P*

100 AsssunTTo disse...

Já está!! só para si dona Adek! :P

Obrigada 13u! é exactamente assim que preciso de pensar... Mas tu sabes que eu sorrio e as pedras serao para fazer as torres dos meus castelos de areia! Eu nao desisto!! :)

Beijocas enormes e tudo de bom!!! :)
Aline

Ps. 13u, recebi o teu postal hoje :D